Aeróbico antes ou depois da musculação ?

por Otávio em 28 de janeiro de 2011


homem correndo na esteira
Se você freqüenta academia, ou pratica atividade física já deve ter se perguntado… Fazer aeróbico antes ou depois da musculação? Essa é uma pergunta que muitos se fazem e sempre fica aquela dúvida. Por isso, pesquisei com profissionais da área, e descobri que primeiramente você tem que saber qual é o seu objetivo:
- Aeróbico em jejum;
- Emagrecimento;
- Diminuir medidas em membros inferiores;
- Ganhar massa muscular;

- Problemas de pressão alta ou cardíaco.
Conheça agora como proceder com cada objetivo!
Aeróbico em Jejum
Se a sua meta é emagrecer e você tem como realizar o aeróbico logo quando acorda ( tente realizar nos primeiros 20 minutos), faça o aeróbico em jejum, com intensidade de no máximo 70%, tome o seu café da manhã logo em seguida e se programe quanto o horário da musculação! Tem pessoas que criticam essa prática, porém, quem teve pique e experimentou comenta que a redução da gordura corporal é notável.
Emagrecimento
Para quem deseja emagrecer, posso dizer por experiência própria, faça musculação primeiro. Especialistas comentam o treino de musculação usa principalmente carboidratos como fonte de energia, sendo assim, se você realizar um bom treino, diminuirá muito essas reservas de carboidrato e quando você for iniciar o aeróbico entrará no metabolismo de gordura mais rapidamente.
Observação: Se você optar para realizar o aeróbico primeiro, além de perder a vantagem citada acima, seu treino de musculação provavelmente

Diminuir medidas em membros inferiores

Aeróbico primeiro e depois o treino de musculação. Ao realizar o aeróbico. De preferência ao trabalho de alta intensidade (freqüência cardíaca em torno de 85%), com intervalos de um a dois minutos e recuperação e freqüência mais baixa (70%). E faça a musculação logo após!

Observação: Fique de olho no tempo e evite que o treino todo aeróbico mais musculação não ultrapasse 1h15min.

Pressão alta ou problemas cardíacos

Aeróbico primeiro, para ajustar o ritmo cardíaco e manter a pressão sob controle. Atenção quanto a intensidade, a mesma deve ser baixa, em torno de 65 a 70 %, já que existem fatores de risco, e a duração em torno de 40 a 45 minutos. Faça musculação imediatamente após e nunca bloqueie a respiração durante a execução dos exercícios (inspire e expire naturalmente).

Observação: Cada caso é um caso e se tratando de saúde procure um especialista!

Ganhar massa muscular

Os programas de treinamento tanto de resistência quanto aeróbico reduzem a magnitude do aprimoramento na força e potência musculares, ou seja, o treinamento aeróbio dificulta o desenvolvimento máximo da força e da potência quando realizado simultaneamente ao treinamento de força. No entanto, o condicionamento cardiovascular também deve ser aprimorado, neste caso, é recomendável o aeróbio, pelo menos 20 minutos, duas ou três vezes por semana. O Dr. José Maria Santarém cita: “os exercícios anaeróbios propiciam emagrecimento no período pós-exercícios, quando toda atividade metabólica de síntese protéica e glicídica ocorre à custa de energia aeróbia proveniente, na sua maior parte, dos ácidos graxos do tecido adiposo”.

Algumas pessoas preferem fazer o aeróbico em dia que não se treina a musculação, por exemplo, segunda, terçá e quarta você treina musculação, já na terça e quinta você faz 30 minutos moderados de aeróbico.

Agora ficou fácil saber qual é o melhor momento de se fazer o aeróbico! Caso você seja iniciante, procure um especialista para que ele possa lhe orientar se tiver alguma restrição. Tenha persistência e paciência que você consegue alcançar os seus objetivos!

Deixe seu comentário!

Abraço e bom treino!!!

Deixe um comentário

Post Anterior:

Próximo Post

Receba as Novidades do Saúde e Suplementos diretamente em seu E-mail: