Tribulus Terrestris – a planta que aumenta os níveis de testosterona

 

Tribulus Terrestris é uma planta originária na Índia, ela pertence a família Zygophyllaceae, comumente conhecida como a videira da punctura, nativo de regiões tropicais e temperada do sul da Europa, Sul da Ásia, África, e no norte da Austrália.

Ela pode pode crescer até mesmo no deserto em clima muito quente e solo pobre. Esta é uma erva utilizada na medicina tradicional Chinesa e Indiana por séculos.

Vem sendo utilizada por séculos na Europa como tratamento da impotência sexual, e como um estimulante do desejo (aumento da libido). E os búlgaros utilizam tribulus terrestres há décadas para maximizar os resultados do desempenho atlético.

Pesquisas importantes mostram que o tribulus terrestris pode aumentar significativamente os níveis dos hormônios LH (luteinizante- proteína reguladora da secreção da progesterona na mulher e da testosterona no homem). Um grupo de homens saudáveis submeteu-se a pesquisa, onde foi administrado 250 mg de tribulus terrestris três vezes ao dia, ocorrendo um aumento de 41% dos níveis de testosterona nesses indivíduos, após 5 dias de tratamento.

Obtendo níveis mais altos de testosterona em nosso sangue, é possível obter um maior anabolismo muscular, obtendo maior definição do músculo e aumentando consideravelmente a massa magra.

Na década de 1990, Tribulus Terrestris se tornou conhecida no meio esportivo pela América do Norte, depois na Europa Oriental quando atletas olímpicos fizeram a utilização de Tribulus Terrestris ajudando na melhora do desempenho e garantindo que a produção do hormônio testosterona se mantenha natural na plataforma completa e sem o uso de drogas perigosas como os esteróides.

O Tribulus Terrestris é um adaptógeno da testosterona. Em medicina um produto é classificado como adaptógeno quando tem a propriedade de reequilibrar o organismo toda vez que este por sua vez se encontrar alterado.
Estudos clínicos têm mostrado que o aumento dos níveis de testosterona tem efeitos positivos, conheça-os:

– Força Física;
– Melhora o desempenho sexual ( aumentando a libido tanto em homens quanto em mulheres);
– Densidade mineral óssea;
– Redução do colesterol;
– Melhora o metabolismo;
– Aumenta os níveis de imunidade;
– E ainda melhora o humor.

Tribulus Terrestris é também muito indicado para idosos com problemas como artrite, artrose, fraqueza muscular e fadiga crônica.

Qual efeito colateral com o Tribulus Terrestris?

Como qualquer suplemento, é ideal é que se tenha um equilíbrio, nada de exageros. Até o momento, os estudos das pesquisas feitas nenhum efeito adverso foi notado proveniente do uso de Tribulus Terrestris. Além disso, em pesquisa adicional, nenhum efeito adverso foi demonstrado sobre o sistema nervoso ou cardiovascular. Nenhuma toxicidade ou efeito negativo ocorreu com a utilização do Tribulus Terrestris.

O quanto consumir de Tribulus Terrestris?

Por enquanto não existe um guia definitivo sobre a quantidade de Tribulus terrestris que deverá ser tomada. Há diferentes diretrizes sugeridas por especialistas no campo médico. A mais sugerida é 250-750 mg por dia, tomada uniformemente durante todo o dia.

Tribulus Terrestris não é produzido naturalmente pelo corpo, contudo, o uso prolongado poderia “minimizar” seus efeitos e fazê-lo menos potente. Seu uso em longo prazo ainda não foi estudado, “ciclar” Tribulus Terrestris pode ser favoravél.

Existem diferentes maneiras de “ciclar” que têm sido usadas como rotina. Estas incluem um ciclo de 3 semanas usando, seguido de outro ciclo de l a 3 semanas sem uso, ou uma dosagem padrão com ciclo decrescente. Cada pessoa tem um objetivo, uma individualidade, o ideal é que você consulte seu médico.

É importante se manter uma alimentação equilibrada, hábitos saudáveis, e se exercitar. Se o seu objetivo for ganhar massa muscular, lembre-se que a disciplina e dedicação faz a diferença, não desista que os resultados chegam!

Observação: Se você já tomou Tribulus Terrestris e deseja compartilhar sua experiência, pode deixar seu comentário. Qualquer dúvida é só deixar que farei o possível para responder.